terça-feira, 10 de agosto de 2010

Evolução - Honda Civic

O Honda Civic é um modelo produzido pela Honda desde 1972. Atualmente encontra-se em sua oitava geração. Começou a ser importado para o Brasil desde 1992, foi nacionalizado em 1997. Produzido na unidade da Honda localizada em Sumaré (SP), foi o sedan médio mais vendido do Brasil no 1° semestre de 2008, superando Toyota Corolla, Chevrolet Vectra, entre outros. O modelo é produzido em onze países (Japão, Inglaterra, Estados Unidos, Canadá, Paquistão, Taiwan, Turquia, Brasil, Índia, Tailândia e Vietnã).

O nome Civic apresenta uma curiosidade, pois ele é um palíndromo, portanto quando a leitura do nome é realizada de trás para frente também se lê Civic.

Vejam agora as transformações que o Honda Civic teve desde a sua criação!

Primeira geração (1973-1979)

A primeira geração do Honda Civic foi lançada em 1972, mas foi vendida como modelo 1973. Equipado com motor de quatro cilindros refrigerado a água, com 1.169 cm³, ele surgiu para competir com os modelos compactos americanos e surpreendia pelo baixo consumo, superando até 16 km/l na estrada e por atender às normas de emissões poluentes americanas sem o uso do catalisador.

Segunda geração (1980-1983)

A segunda geração trouxe maiores dimensões para o Honda Civic, duas opções de motores, 1.335 cm³ com 55 cv e 1.488 cm³ com 67 cv e também três opções de transmissões, quatro marchas manual nos modelos básicos, 5 marchas manual e 2 marchas automático.







Terceira geração (1984-1987)

A terceira geração surgia com novo aumento de tamanho e o motor 1.5 L tinha 12 válvulas e 76 cv, o hatch básico usava um 1.3 L de 60 cv. Em 1985, os motores do coupé CRX Si (1.5L - 91 cv) chegavam ao Civic também denominado Si, que recebia lanternas traseiras maiores, teto de vidro removível, spoiler frontal e aerofólio traseiro.



Quarta geração (1988-1991)

Depois de apenas quatro anos, novamente o Honda Civic foi redesenhado, possuindo um teto mais baixo, maior área envidraçada e maior aerodinâmica. O motor 1.5 L, tinha, pela primeira vez, bloco de alumínio, quatro válvulas por cilindro e 92 cv de potência. Os modelos americanos passaram a adotar injeção eletrônica.










Quinta geração (1992-1995)

Marcando outro período de apenas quatro anos, chegava o Honda Civic da quinta geração, bem mais arredondado e com farol de perfil baixo. Em 1992 o Civic começou a ser importado para o Brasil e somente em 1997 ele foi nacionalizado. Este modelo é um dos favoritos dos jovens americanos para a preparação tuning, pois ele oferece a combinação de ótimo desempenho, variedades de peças para modificação e baixo custo. A principal aparição do modelo foi no filme "Velozes e Furiosos" onde três Civics coupes pretos eram utilizados para assaltar caminhões de carga e a cena inesquecível em que ele atravessava um trecho estreito sob a carreta do caminhão consagrou o modelo no mundo do tuning.

Sexta geração (1996-2000)

A sexta geração do Honda Civic parecia muito com a anterior, exceto pela carroceria que era nova, o retorno da grade frontal, os grandes faróis e as lanternas traseiras mais elevadas. Esta foi a primeira versão produzida no Brasil. No período de 1999-2000 o Honda Civic Si foi produzido com motor VTEC 1.6 L com 160 cv de potência e as suas principais aparições foram nos jogos "Need for Speed Underground 1 e 2", onde o jogador poderia modificar o carro completamente deixando-o até mesmo no estilo de "Velozes e Furiosos".


Sétima geração (2001-2006)

A sétima geração do Honda Civic manteve os mesmos padrões, mas agora contava com um estilo mais refinado e elegante, com as lanternas traseiras mais elevadas do que no modelo anterior e grandes faróis. O carro recebeu novo motor 1.7 L elevando a potência para 115 cv (LX) e 130 cv (EX, com VTEC).







Em 2004, ocorreu um facelift com novo design frontal (capô, grade, faróis, para-lamas e para-choques), novos para-choques traseiros e a introdução da versão LXL, intermediária entre as versões LX e EX.










Oitava geração (2007-****)

Em 2007, chegou o New Civic, com o motor i-VTEC, que privilegia economia e silêncio de utilização. Vendido em 3 versões: LX (para deficientes, com motor 1.8 - 125 cv), LXS (1.8 - 140 cv) e a top EXS (1.8 - 140 cv) que dispõe até de trocas de marcha atrás do volante, recurso este chamado de "Paddle-Shift". Outubro de 2006, marcou a chegada do Civic Si 2007, o carro nacional mais potente. São 192 cv, 4 portas e um interior bem luxuoso. O câmbio é de 6 marchas, e o veículo possuí até LSD (diferencial auto-blocante). A carroceria da versão esportiva difere apenas pelas letras "i-VTEC DOHC" na lateral, pelas rodas aro 17 e pelo aerofólio discreto no porta-malas.



Em 2009, o Honda Civic passou por um pequeno Facelift, incluindo um novo design para a parte frontal e traseira, entre outros detalhes. No início de 2010 foi lançada a versão LXL que chegou para preencher a lacuna entre as versões LXS e EXS.

Fontes: http://www2.uol.com.br/bestcars/cpassado/civic-1.htm
http://pt.wikipedia.org/wiki/Honda_Civic
http://en.wikipedia.org/wiki/Honda_Civic
http://en.wikipedia.org/wiki/Honda_Civic_Si

Um comentário:

Anônimo disse...

If we are a variety of oil in some of these backwater places, these are precisely wherever these small seafood backside,Inches Farling mentioned"I'm air jordan shoes allayed I am living, nevertheless I am terrified for anyone whom have not been found still," he said, incorporating that she intentions to Air Jordan stay in San Felipe through the research in addition to expectation others remain living The ocean King, that Bill jigs within the U Air Jordan Cheap Photos released because of the Asian deep blue exhibited numerous sunburned anglers in T-shirts as well as Bermudas waiting to have over a Cheap Nike Air Max coach Individuals are tired now," Henry Scott mentioned Company spokesman Alan Jeffers said there is simply no direct link in between all those Nike Air Max troubles along with the pipe failureIn William placed the hands on his / her tummy and also joked in relation to pigging Air Max 2011 out for the getawayThe particular 20-year-old Silvertip pipe supplied 40,500 casks a day to a refinery throughout Billings coupled some sort of route Ed Hardy Shop of which moves underneath the lake